Espécies

Barba de Moisés – Principais cuidados e curiosidades sobre a espécie

A barba de Moisés é um tipo de planta usada em vasos, ou como forrações em jardins. Além disso, não exige cuidados constantes.

Por Rafaela de Almeida

-

A barba de Moisés pode ser considerada um tipo de forração, apresenta folhas pequeninas e arredondadas. Além disso, também pode ser encontrada pelo nome lágrima de bebê. Esse tipo de planta é encontrada principalmente em solo europeu, mas pode ser cultivada com facilidade em território brasileiro.

Esta espécie não atinge alturas elevadas, por isso, pode ser mantida com facilidade em ambientes menores e em vasos. Além disso, são boas opções para os jardins abertos.

A barba de Moisés é também uma planta de crescimento rápido. Assim, se espalha facilmente por jardineiras e canteiros, além de não exigir muitos cuidados.

Principais cuidados com a barba de Moisés

Assim como todas as plantas do tipo forrações, a barba de Moisés exige alguns cuidados. Apesar disso, seus cuidados não são extensos, basta se atentar à frequência de rega, qualidade do solo e luminosidade.

Luminosidade necessária para o cultivo

A barba de Moisés pode ser considerada uma planta de meia-sombra, isto é, entre seus cuidados estão mantê-la na sombra, com luz indireta. Dessa forma, pode ser cultivada com facilidade em ambientes internos.

Barba de Moisés: uma planta para ser cultivada em vasos ou forração
Fonte: Ideias de Fim de Semana

Nesses ambientes é importante deixar vasos próximos a janelas ou entradas de luz, pois, apesar de não precisar de sol direto, é importante receber luz.

Melhor local para cultivo da barba de Moisés

Esse tipo de planta, apesar de ser uma e ser encontrada comumente em solos de jardim, não podem ser pisoteadas. Por isso, locais com grande circulação de pessoas devem ser evitados. Caso seja cultivada em espaços com fluxo de pessoas e pisoteadas, podem morrer com facilidade.

Fonte: Suculove

Solo ideal para plantio

A barba de Moisés deve ser cultivada em solo fértil. Para isso, pode ser usado compostagem orgânica, por exemplo, feito a partir de restos de alimentos.

Barba de Moisés: uma planta para ser cultivada em vasos ou forração
Fonte: Viciados em Suculentas

Além disso, deve apresentar alta capacidade de drenagem da água da rega, assim, argila, húmus de minhoca e areia expandida podem ser acrescentadas ao substrato.

Frequência de rega da barba de Moisés

Essa planta requer regas frequentes, pois o solo deve estar sempre úmido. Para se certificar que o solo necessita de água, coloque a mão sobre a terra, se ela estiver seca é hora de regar.

Fonte: Pinterest

Em épocas muito secas do ano é essencial observar a necessidade da planta em relação a água, pois temperaturas muito altas podem acabar fazendo com que a espécie seja prejudicada.

Como propagar a espécie

Para propagar a barba de Moisés é muito simples. Se você já possui uma planta desenvolvida, corte um pedaço da planta com algumas folhas e que esteja saudável.

Barba de Moisés: uma planta para ser cultivada em vasos ou forração
Fonte: Dicas Online

Após retirar o ramo, prepare um recipiente para receber a muda e coloque-a. Depois, basta cuidar com regas frequentes e luminosidade adequada para que ela se desenvolva.

Curiosidades sobre a barba de Moisés

Além de ser uma ótima opção de planta para forração, a barba de Moisés também pode ser utilizada na decoração. Esse tipo de planta possui pequenas flores brancas que florescem em determinadas épocas do ano. Por isso, podem ser cultivadas em vasos para arranjos de mesa, por exemplo.

Fonte: Multiflora

Existem alguns tipos de barba de Moisés. Algumas variações possuem coloração entre verde escuro e branco. São ótimas opções para usar na decoração.

Suas folhas não ultrapassam mais do que 5 centímetros em média. Além disso, em alguns casos pode ser considerada ervas daninhas, por se alastrarem muito fácil e rapidamente.

Em épocas mais secas do ano, a barba de Moisés pode acabar perdendo a maior parte das suas folhas. Apesar disso, pode florescer durante a primavera.

Esse tipo de planta pode ser usada em jardins para cobrir espaços com pedras. Isso porque consegue se espalhar pelos espaços que não são preenchidos pelos pedregulhos.

Curtiu esse post? Confira também: Rosa de pedra – Como plantar, características da planta e cuidados

Fontes: Jardim das Ideais, Saberes do Jardim, Dicas Online.

Imagens: YouTube, Vazolandia Duarte, Ideias de Fim de Semana, Suculove, Viciados em Suculentas, Pinterest, Dicas Online, Multiflora.