Dicas

Fertilizantes, o que são? Principais usos na agricultura e na jardinagem

Os fertilizantes são usados, principalmente, para acelerar o processo de desenvolvimento das plantas, especialmente os frutos.

Por Rafaela de Almeida

Os fertilizantes são muito populares durante o cultivo das plantas, já que são utilizados para auxiliar no seu processo de desenvolvimento. Dessa forma, contribui para o solo oferecendo nutrientes, dos mais variados, para germinar sementes e frutos, além do crescimento de galhos e folhas.

Se bem empregados no cultivo, os fertilizantes podem contribuir positivamente em safras, por exemplo. No entanto, seu uso de forma demasiada, além de prejudicar o meio ambiente, pode tornar-se ilegal.

Atualmente, existem muitos tipos de fertilizantes capazes de fornecer nutrientes ao solo sem degradá-lo ambientalmente.

Também existe uma grande preocupação quanto ao uso em relação à produção agrícola, pois grande parte dos alimentos que chegam até à mesa são cultivados sob o uso de fertilizantes para agilizar o processo de cultivo.

O que são fertilizantes?

Os fertilizantes são compostos, ou produtos químicos, capazes de ajudar as plantas a se desenvolver. Sendo assim, eles são capazes de aumentar e fornecer nutrientes ao solo para que assim as plantas cresçam mais rapidamente, além de favorecer o ganho na produtividade.

Fertilizantes: o que são e os principais usos na agricultura e na jardinagem
Fonte: Biologia Total

Por serem compostos químicos, é preciso ter cautela ao usar fertilizantes, seja em grandes plantações ou pequenas produções. Isso porque o uso pode agir negativamente, tanto para a produção em relação à qualidade da planta ou fruto produzido, quanto em relação ao meio ambiente.

Além disso, existem alguns tipos de fertilizantes, alguns deles são considerados menos prejudiciais quando usados corretamente, enquanto outros precisam de supervisão. De modo geral, os fertilizantes tendem a colaborar de forma positiva para as plantações.

Tipos de fertilizantes mais comuns

Os fertilizantes são divididos em dois grupos principais, podendo ser classificados em fertilizante orgânico e fertilizante inorgânico. Os dois tipos de fertilizantes podem ser naturais ou sintéticos.

Fertilizante orgânico

Geralmente, os fertilizantes orgânicos são produzidos a partir de material orgânico, ou de elementos naturais, como húmus de minhoca, por exemplo. Também podem ser feitos de farinhas de ossos secos e esterco.

Fonte: Biodiesel Brasil

Além disso, os fertilizantes orgânicos podem contribuir com a proliferação de microrganismos e fungos. Microrganismos esses, que também agem diretamente no crescimento e desenvolvimento das plantas.

Fertilizante inorgânico

Os fertilizantes inorgânicos são conhecidos por serem mais prejudiciais ao meio ambiente. No entanto, ainda sim são muito utilizados na jardinagem e, principalmente, no plantio em grande escala. Além disso, os fertilizantes inorgânicos são encontrados na natureza em formas minerais.

Fertilizantes: o que são e os principais usos na agricultura e na jardinagem
Fonte: Agricultura e Mar

Esse tipo de fertilizante é rico em nutrientes como magnésio, enxofre, além de potássio, fosfato e nitrogênio. Uma das maiores vantagens do uso de fertilizantes inorgânicos é a rápida absorção pelo solo e das plantas.

Técnicas para aplicação dos fertilizantes

Os fertilizantes podem ser usados de maneiras diferentes durante o cultivo em plantações. Além disso, o uso pode ser influenciado pelo maquinário usado nas grandes plantações.

Irrigação

A técnica de irrigação é muito comum, já que é uma forma muito simples de aplicar o produto nas plantas. Assim, basta aplicar o fertilizante em forma líquida usando um regador, para plantas menores ou cultivo doméstico, ou mangueiras de irrigação, ou gotejamento.

Fonte: Maxmaq

Pulverização

A pulverização não é uma das formas de aplicação mais usadas no país, no entanto, também é muito prática.

Geralmente, o fertilizante para a pulverização é diluído em água e aplicado usando um pulverizador. Dessa forma, é possível aplicar o fertilizante tanto no solo das plantas quanto nas folhas.

Fertilizantes: o que são e os principais usos na agricultura e na jardinagem
Fonte: Canaoeste

Semeadura

Essa técnica de aplicação é muito eficaz e muito usada em grandes safras e plantações.

Isso porque o fertilizante é aplicado assim que as sementes são plantadas, como seu próprio nome sugere. O fertilizante é aplicado no solo, um pouco abaixo das sementes, antes delas serem colocadas na terra.

Fertilizantes: o que são e os principais usos na agricultura e na jardinagem
Fonte: ADIAESP

Essa forma de aplicação possui a vantagem de que, assim que as sementes são colocadas no solo, ele já oferece os nutrientes necessários para que elas se desenvolvam.

Apesar disso, é necessário oferecer nutrientes não somente no momento do plantio, mas durante o desenvolvimento da planta como um todo.

Por isso, os adubos também podem ser utilizados simultaneamente junto aos fertilizantes, sempre observando as necessidades das plantas e sua espécie.

Problemas com o uso de fertilizantes orgânicos e inorgânicos

O uso desenfreado e de maneira irresponsável pode acabar prejudicando a saúde das plantas e também o meio ambiente.

Por isso, antes de usar qualquer tipo de produto para esse fim, é importante se certificar da sustentabilidade e dos problemas que podem, posteriormente, ocorrer com a aplicação.

Fonte: My Farm

Além disso, o uso de fertilizante, principalmente os fertilizantes inorgânicos, podem afetar no meio ambiente os lençóis freáticos, além de rios e lagos próximos a grandes plantações.

Consequentemente, o uso da água contaminada também pode acarretar em doenças e intoxicações em animais e pessoas que a utilizarem.

Apesar dos fertilizantes apresentarem menor contaminação, ainda sim precisam ser utilizados com responsabilidade. Os orgânicos, se usados de forma incorreta, podem acidificar o solo. Ou seja, o solo ácido é, muitas vezes, prejudicial ao desenvolvimento das plantas, possuindo o efeito contrário do desejado.

O que achou da matéria? Se gostou, confira também como cultivar plantas na água.

Fontes: Agropos, Ecycle.

Imagens: Lavoura 10, Plant Defender, Biologia Total, Biodiesel Brasil, Maxmaq, Canaoeste, ADIAESP.