Dicas

Casca de ovo nas plantas – Formas de utilizar o adubo orgânico

A casca de ovo nas plantas serve como adubo orgânico, sendo utilizada para reposição de cálcio e outros nutrientes, como magnésio e potássio.

Por Rafaela de Almeida

-

Para fazer a adubagem do solo é possível usar compostos orgânicos, como restos de frutas, legumes e verduras e até cascas de ovos. A casca de ovo nas plantas pode ajudar na produção de cálcio, já que as cascas têm 40% de sua composição feita desse nutriente.

Apesar da terra do solo por si só ser capaz de gerar nutrientes suficientes para o cultivo das plantas, ela também pode fornecer inúmeros outros se for adubada corretamente.

Para fazer o uso da casca de ovo nas plantas é preciso seguir algumas recomendações. Isso porque, se o uso for feito de maneira incorreta pode acabar prejudicando o crescimento da planta, ao invés de ajudá-la em seu desenvolvimento.

Assim, a melhor forma de saber se a sua planta precisa de outros nutrientes é sempre observar o aspecto das folhas, das flores, do caule e da terra. O maior indicativo de que as plantas estão com o solo prejudicado, por conta da falta de cálcio, é notar as folhas amareladas.

Além de fazer a reposição pela falta de cálcio, a casca de ovo pode ser sempre usada para que isso não aconteça. Dessa forma, pode ser adicionada no solo pelo menos uma vez no mês.

Casca de ovo nas plantas: como usar esse adubo orgânico
Fonte: Ciclo Vivo

Para que serve a casca de ovo nas plantas?

Além de ser rica em cálcio, a casca de ovo também possui outros nutrientes, como magnésio e potássio. Essas substâncias são essenciais no desenvolvimento da planta. Além de acelerar o crescimento, também são responsáveis por fortalecê-la.

O cálcio contribui para o fortalecimento e rigidez ao longo do crescimento da planta. O potássio é responsável por fazer com que a planta dê frutos e flores, consequentemente, age também no desenvolvimento dos açucares e do amido presentes nas plantas.

Por fim, o magnésio presente na casca do ovo faz com que as cores das folhas se formem, agindo na clorofila.

Fonte: Vix

Receitas de como usar as cascas no solo

Apesar do uso da casca de ovo nas plantas ser muito fácil, não é simplesmente jogá-la no solo. Existem formas de preparar as cascas para que elas se tornem, de fato, um bom substrato.

Ou seja, elas precisam adentrar na terra de forma mais efetiva, apenas colocá-la na planta vai demorar muito para que os nutrientes sejam absorvidos.

Nesse sentido, existem recitas que contribuem para o melhor aproveitamento deste adubo orgânico, como:

Farinha de casca de ovo

A forma mais conhecida de utilizar as cascas de ovo nas plantas é fazer farinha. Para isso, seque as cascas, de preferência na sombra, já que a luz do Sol pode fazer com que a casca perca parte do nitrogênio.

Após a seca completa das cascas, bata-as no liquidificador. Depois de serem moídas, a casca vai formar uma farinha que pode ser armazenada em um pote de vidro.

Casca de ovo nas plantas: como usar esse adubo orgânico
Fonte: YouTube

A farinha da casca pode ser aplicada diretamente no solo da horta, mas é preciso se atentar à quantidade de farinha relacionado ao tamanho do canteiro ou do vaso.

As medidas da farinha podem ser feitas por colheradas. Logo, para jardins maiores ou canteiros, pode-se aplicar uma colher de sopa de farinha no solo. Para vasos, o ideal é que a colherada seja menor, de preferência uma colher de chá, dependendo do tamanho do vaso.

A casca de ovo nas plantas pode acabar prejudicando algumas espécies. Por isso, evite colocar em azaleias, gardênias, plantas carnívoras.

Além disso, vale lembrar que algumas plantas não podem ter o solo alcalino. A aplicação da farinha deve ser feita com intervalos de 30 à 40 dias. Por fim, caso prefira fazer em intervalos menores, basta diminuir a quantidade da farinha por colher.

Solução líquida de cálcio para as plantas

Outra forma de usar a casca de ovo nas plantas como fonte de cálcio é preparar uma solução líquida a partir da combinação da casca de ovo com o vinagre.

Para preparar a solução é preciso secar as cascas sem a película interna, que podem secar na sombra. Caso as cascas estejam presas, podem ir ao sol com vinagre e um recipiente de vidro. O vinagre pode ser preferencialmente de maçã.

Depois que as cascas estiverem secas, amasse-as para que elas fiquem em pedaços maiores. Após quebrar um pouco das cascas, coloque-as para cozinhar por alguns minutos, de 15 a 20 são o suficiente. Em seguida, deixe as cascas esfriarem para continuar a preparação. Assim que as cascas esfriarem, junte-as com o vinagre no pote de vidro.

Fonte: Planta Sonya

As medidas de vinagre devem ter a proporção de 1:3, isto é, se o volume de cascas de ovo são aproximadamente 50 ml, adicione 150 ml de vinagre no pote. O vinagre é sempre o triplo do volume de cascas.

Modo de preparo

Depois de fazer a mistura de cascas e vinagre, tampe o recipiente com um pano, para que a mistura possa expelir os gases, ou não enrosque a tampa por completo. Deixe o pote em local arejado, que não tenha contato com o sol diretamente, mas que tenha contato com a luz indiretamente.

Para a solução ficar pronta, deixe ela descansar por alguns dias, em aproximadamente duas semanas pode ser utilizada. Caso também queira, pode adicionar vinagre ao longo do uso.

Para usar a solução de casca de ovo nas plantas, o ideal é que ela seja diluída em água de tempos em tempos, pelo menos uma vez ao mês. Por fim, faça a aplicação junto à água da rega.

O que achou da matéria? Se gostou, confira também como plantar alecrim e cactos.

Fontes: GreenMe, GShow, Gazeta do Povo, Ovo.

Imagens: Vamos Comer Melhor, Ciclo Vivo, YouTube, Planta Sonya, Vix.