Espécies

Trepadeiras – Plantas para decoração de pergolados, muros e cercas

As trepadeiras são muito conhecidas por decorarem pergolados, muros e cercas. Além disso, são espécies floridas e que produzem frutos.

Por Rafaela de Almeida

-

As trepadeiras são plantas capazes de se desenvolverem de forma vertical, geralmente usando algum tipo de apoio que pode ser, por exemplo, pergolados, muros, estacas, paredes, cercas e afins.

Basicamente, são plantas muito usadas em jardins para transformá-los em lugares mais coloridos. Além de trazerem o ar mais romântico e charmoso para o ambiente.

Existem alguns tipos de trepadeiras, algumas são compostas apenas por folhas e galhos retorcidos, enquanto outras podem florir ao longo do ano ou produzirem frutas também.

Apesar da maioria das trepadeiras se desenvolverem com muita facilidade pelas superfícies, algumas demandam tipos de apoio para crescerem.

Nesse sentido, os apoios servem como direcionamento para onde as plantas podem se desenvolver. Geralmente, são usados fios de nylon, cabos de aço ou outros materiais que desempenhem esse papel.

Cuidados gerais

Ao escolher o ambiente esteja certo de que a superfície estará exposta a luz do sol em algum período do dia, já que as trepadeiras crescem em direção a luz solar.

Fonte: A Casa Do Telhado

Além disso, a parede, pergolado ou muro devem apresentar algum tipo de sustentação que possa conduzir o crescimento da planta. O recomendado é que as superfícies não sejam lisas, pois assim a trepadeira não consegue se apoiar.

Para fazer a condução da planta pela superfície podem ser usados inúmeros materiais, fios, estacas, grades entre outros. Apesar de cada espécie ter suas especificações em relação aos cuidados, a maioria requer solo fértil, iluminação constante e regas regulares.

Além disso, é importante fazer a poda regularmente dos galhos e folhas, assim como qualquer outra planta. Também é preciso observar se a planta escolhida é mesmo uma trepadeira.

Fonte: Pátio das Flores

Algumas plantas podem ser apenas rastejantes, ou seja, rasteiras, e que se desenvolvem comumente no chão, não verticalmente. Esse tipo de planta precisa ser amarrada na superfície para poder ficar de pé.

Sugestões de trepadeiras com flores

Existem diversas espécies de trepadeiras com flores, dentre elas:

Gloriosa

A gloriosa é uma trepadeira florida. Suas flores são em tons de vermelho com extremidades amarelas. Além disso, possuem gavinhas que auxiliam a se sustentarem pela superfície.

As gavinhas são estruturas das plantas capazes de enroscar por lugares como fios. A gloriosa floresce durante a primavera e o verão, sendo que no inverno a planta perde muitas folhas.

Além do mais, é considerada uma planta de sol pleno, pode ser cultivada em ambientes que passam por longos períodos de exposição solar.

Fonte: Rosatto Garden Center

Alamanda

As alamandas também são trepadeiras que florescem. São comumente usadas como cerca viva, além de ficarem ótimas em pergolados.

Apesar da beleza, a alamanda é uma planta tóxica, e deve ser cultivada em lugares que não possuam animais domésticos ou crianças. Floresce por todo ano e, assim como a gloriosa, é uma planta de sol pleno.

Fonte: Momentum

Trepadeira – Tumbérgia

Essa trepadeira floresce principalmente na primavera e no verão. Também é considerada uma planta de sol pleno e requer regas constantes. Suas flores são em tons de lilás e o solo ideal para que a planta fique sempre saudável deve ser adubado frequentemente.

Fonte: Flora 10

Congeia

Diferente de outras trepadeiras com flores, a congeia tem uma peculiaridade: suas flores mudam de cor ao longo do tempo, passa de branca, para rosa e um leve cinza.

A poda ajuda a planta a ficar mais volumosa de forma que as flores tapem as folhas dos galhos. É uma planta de clima mais quente, não suporta baixas temperaturas. Necessita de sol constante e regas regulares.

Fonte: Modos de Olhar

Bougainville

Bougainville, também conhecida como Primavera, é muito comum pelo Brasil. A primavera é uma trepadeira adaptável, mas que apesar disso se desenvolve melhor em regiões mais frias.

Necessita de poda com frequência para que os galhos se desenvolvam. Além disso, o bougainville requer rega regulares e floresce entre os meses de setembro à dezembro.

Fonte: PlantaSonya

Trepadeiras frutíferas

Além das espécies de trepadeiras com flores, existem também as opções frutíferas, como:

Maracujazeiro

O maracujazeiro, como o próprio nome diz, é a planta responsável pela produção do maracujá. Além disso, o maracujazeiro é uma trepadeira ótima para ser utilizada em pergolados.

Essa trepadeira, assim como a maioria, requer sol constante e solo bem adubado que contribua para o seu crescimento e frutificação.

Trepadeiras: plantas para decoração de pergolados, muros e cercas
Fonte: Minhas Plantas

Trepadeiras – Parreira

Outra trepadeira muito comum é a parreira. Essa trepadeira é a responsável por produzir os cachos de uvas. Apesar de seu desenvolvimento ser acelerado, a parreira só começa a dar frutos depois de alguns anos plantada.

Além disso, depois da época de produção, costuma perder as folhas e apresentar o aspecto de morta. Assim como o maracujá, o recomendado depois de alguns anos de produção é que ela seja replantada. Exige sol pleno e solo adubado.

Trepadeiras: plantas para decoração de pergolados, muros e cercas
Fonte: Viver Agora

Então, o que achou da matéria? Se gostou, confira também o que é Composteira doméstica e quando fazer Rega de emergência

Fontes: Gazeta do Povo, Casa e Jardim.

Imagens: Westwing, Faz Fácil, A Casa do Telhado, Pátio das Flores, Rosatto Garden Center, Momentum, Flora 10, Modos de Olhar, PlantaSonya, Minhas Plantas, Viver Agora.